O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O PREÇO DA GASOLINA?! | Como se proteger da inflação

Abra sua conta gratuitamente na BISCOINT: https://bit.ly/2VJBpq7

Finclass – Aprenda finanças com os melhores do mundo: http://bit.ly/ytbcthiago_finclass

O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O PREÇO DA GASOLINA?! | Como se proteger da inflação

Nunca foi tão caro encher o tanque. Desde o início de 2021, o combustível não para de subir.

Mas por que a gasolina tá cara? Ela vai continuar subindo pra sempre? Como fazer para que o seu dinheiro esteja protegido da inflação? E será que a gasolina impacta nos seus investimentos?

Você vai entender isso e muito mais no vídeo de hoje…

O preço médio do litro da gasolina comum no Brasil chegou a R$ 5,95. Inclusive, chegou a ser encontrada gasolina acima de R$ 7 em postos no Acre, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Primeira informação, a gasolina é o combustível mais utilizado do Brasil é e derivado do petróleo.

Existe um limite para a sua extração na natureza (assim como o ouro, assim como o Bitcoin). Alguns estudos indicam que as reservas de Petróleo devem se esgotar em 40 anos.

Dependendo do surgimento de novas reservas, esse valor pode ser prolongado. Mas, existe um fim no petróleo.

Fatores que influenciam no preço do petróleo:

1. Reuniões da OPEP: um bloco comercial criado em 1960 por alguns dos principais produtores de petróleo do mundo, como Arábia Saudita, Iraque e Venezuela.

Se eles fecham a produção, a escassez aumenta e os preços disparam. Se eles aceleram a produção, eles forçam os outros países a também baixarem os preços para competir.

2. Reservas de petróleo: sempre que novas áreas de exploração são descobertas, o mercado reage de imediato e, mesmo antes de qualquer operação, é normal que a cotação sofra variações, com estabilização ou recuo do preço.

Da mesma forma, se uma reserva acaba ou sua extração é paralisada, é esperado que, antes mesmo de a escassez ser sentida pela economia, o mercado reaja com uma alta nos preços.

3. Fatores ambientais e catástrofes: tragédias não naturais, como vazamentos de petróleo, acidentes em plataformas e outros.

4. Fatores geopolíticos e guerras: os principais países produtores de petróleo estão em áreas politicamente instáveis, como a Venezuela e o Irã. Esse tipo de incerteza impacta diretamente a cotação do petróleo, especialmente quando os governos desses países tomam ações inesperadas envolvendo a política global.

5. Escândalos envolvendo empresas produtoras: escândalos envolvendo as empresas produtoras, o que reduz o seu valor de mercado e também sua capacidade de investimento.

Um exemplo disso foram os casos de desvios e corrupção na Petrobras, que prejudicaram diretamente a sua operação.

Fatores que influenciam no preço da gasolina:

Custo de produção: 31%; Impostos federais: 38% (10% federais e 28% estaduais); Adição de etanol: 15%; Distribuição e revenda: 16%.

O que mais impacta no preço da gasolina são os impostos e o custo de produção.
Muito se diz que o custo de produção é culpa do monopólio da Petrobrás, mas será que isso é verdade?

O monopólio acabou em 1997

A Petrobras já foi, oficialmente, a única empresa permitida a atuar na indústria de petróleo e derivados no Brasil. Na época, o governo tinha controle pleno dos preços por meio de sua estatal.

Beleza, mas onde estão os concorrentes?

Aqui é legal separar em 2 frentes: exploração e refino de petróleo

Na exploração do petróleo bruto, os concorrentes vieram. A Agência Nacional de Petróleo (ANP) conta, hoje, mais de 30 companhias retirando óleo e gás das reservas brasileiras ao lado da Petrobras.

No refino, porém, quase nenhuma apareceu, e a estatal segue sendo praticamente a única fornecedora de combustíveis para os brasileiros. Por que isso acontece?

Tentar fabricar combustíveis no Brasil significa competir com uma gigante do porte da Petrobras, controlada pelo governo e que, em vários momentos, acabou vendendo seus produtos abaixo do preço de mercado, o que torna o negócio inviável para qualquer outra empresa.

Legal, olhamos para o cenário brasileiro. Mas, será que o Brasil tem uma gasolina “cara” comparada ao redor do mundo?

HOJE, o preço médio da gasolina pelo mundo fora é de US$ 1.20 por litro (R$6,20), mas existem grandes diferenças entre os países.

Você gostaria de morar num país onde as pessoas pagam R$0,10 por litro no preço da gasolina?

Se a sua resposta for sim, saiba que esse país é a Venezuela. Ela tem a gasolina mais barata do mundo (US$ 0,02).

Agora, o mais importante do vídeo
COMO PROTEGER O SEU DINHEIRO CONTRA A ALTA DA GASOLINA?

Separar em 2 partes, o óbvio e o alternativo:
1) O óbvio: reserva de emergência e ARCA

2) Formas alternativas
– Títulos atrelados a inflação (Tesouro IPCA)
– Reserva de valor (Ouro, Criptomoedas)
– Comodities (Petróleo)

3 formas de investir em petróleo:

1 – Futuros de Petróleo
2 – Ações de empresas ligadas ao setor Petrolífero
3 – ETFs e Fundos relacionados com Petróleo

Os pros e contras de cada uma dessas formas, eu comento no vídeo de hoje…

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.