Aparentemente, os tempos de dificuldade para os cartões de criptomoedas estão acabando.

 

Nesta segunda-feira, 20 de julho, o Business Wire afirmou que a Mastercard está simplificando o acesso ao programa Accelerate.

 

Para isso, a Mastercard está incentivando empresas a se se tornarem parceiras do programa. O Accelerate é focado em empresas que emitem cartões de criptomoeda.

 

Ele oferece suporte aos parceiros com sua entrada no mercado, crescimento contínuo e expansão internacional.

 

Expansão de serviços para criptoativos

 

A proposta da Mastercard é ambiciosa. Ela permitirá que os candidatos sejam integrados como parceiros “em questão de semanas”.

 

Os novos parceiros serão auxiliados na integração da tecnologia da Mastercard. Eles estarão em posição de se beneficiar da experiência e pesquisa de mercado da empresa em segurança cibernética.

 

Embora esteja simplificando o acesso ao seu programa para empresas de criptoativos, a Mastercard enfatizou que todos os parceiros devem cumprir seus “princípios básicos”. Entre eles, estão:

 

  • fornecer proteção robusta ao consumidor (garantindo privacidade e segurança para os usuários);
  • operar em conformidade com as leis e regulamentos relevantes, como regras contra lavagem de dinheiro;
  • estabelecer condições equitativas para todas as partes interessadas, como instituições financeiras, comerciantes e dispositivos móveis. operadores de rede.

Raj Dhamodharan, vice-presidente executivo de ativos digitais e produtos blockchain e parcerias da Mastercard, destacou o amadurecimento do mercado. Ele afirmou que o objetivo da Mastercard é criar “experiências seguras” para usuários e empresas.

 

“O mercado de criptomoedas continua amadurecendo, e a Mastercard está avançando, criando experiências seguras para consumidores e empresas na economia digital de hoje”.

 

Wirex torna-se primeira empresa parceira

 

Ao mesmo tempo, a Mastercard anunciou a primeira emissora de cartões de criptomoedas a entrar no programa. Trata-se da Wirex, empresa com sede em Londres.

 

Sendo associada com a Mastercard, a empresa poderá emitir diretamente cartões de pagamento com criptoativos.

 

Com isso, os usuários do cartão Wirex poderão converter imediatamente seus criptoativos em moeda fiduciária, que pode ser gasta em pontos de venda que aceitam Mastercard. Assim, as transações entrarão na rede da Mastercard na forma de moeda fiduciária, não de criptoativos.

 

O CEO e co-fundador da Wirex, Pavel Matveev, disse que a associação “representa um crescente interesse e reconhecimento na aceitação da criptomoeda pelos principais órgãos e reguladores”. Ele acrescentou que a parceria com a Mastercard ajudará a empresa a realizar sua “visão de capacitar todos a experimentar um mundo onde todas as moedas, fiduciárias e criptomoedas, são iguais”.

 

Matéria Publicada no site Criptofacil

Publicado em Bitcoin

 

A empresa de empréstimos instantâneos cripto Nexo e a corporação internacional de sistemas de pagamento MasterCard estão lançando em conjunto um cartão de crédito de criptomoeda. O desdobramento foi anunciado em um comunicado compartilhado com o Cointelegraph em 2 de agosto.

 

"O primeiro do mundo"

 

A Nexo afirma que o Nexo Card é o primeiro cartão do mundo que permite que os usuários gastem o valor de sua criptomoeda sem de fato gastá-lo. Além disso, o cartão não considera taxas anuais ou mensais, nem de câmbio. Descrevendo o conceito operacional do cartão, a Nexo disse:

 

“Ao usar o Nexo Card para comprar bens e serviços, você realmente paga usando sua linha de crédito rotativo flexível Nexo que é apoiada com seus ativos cripto e, portanto, não vende nenhum deles, o que lhe dá a liberdade de gastar hoje e vender as suas participações sempre que quiser no futuro e pagar o empréstimo.”

 

Ganhando juros sobre empréstimos cripto

 

A Nexo também oferece um serviço de Crédito Cripto Instantâneo totalmente automatizado, que permite que os proprietários de cripto façam empréstimos baseados em uma cesta de uma variedade de moedas digitais, como Bitcoin (BTC), Ether (ETH), Ripple (XRP), Litecoin (LTC) e outros .

 

A Nexo permite ainda que os usuários ganhem juros sobre moedas fiduciárias, como o dólar dos EUA, euro, libra esterlina ou em stablecoins.

 

Ontem (1), o Cointelegraph informou que a plataforma de empréstimo e crédito de criptomoedas Celsius Network superou US$ 300 milhões em depósitos de moeda no curso de 12 meses e completou mais de US$ 2 bilhões em originação de empréstimo de moeda. A Celsius afirma que se tornou a plataforma de empréstimo que mais cresce no mundo.

 

Em maio, a empresa de gerenciamento de ativos cripto BlockFi anunciou que suas contas de juros agora suportam o Gemini Dollar (GUSD). A BlockFi observou que também oferece GUSD como uma opção de financiamento em dólares americanos e como garantia de tomadores de criptomoeda institucionais.

 

Fonte: Cointelegraph

 

 

Publicado em Bitcoin

 

A Binance maior exchange de criptomoedas do mundo, anunciou hoje a liberação de compra de sua moeda a Binance Coin ( BNB) 

 

com uso do cartão de crédito de bandeira MasterCard e Visa

 

Além da BNB  também & como opções!

 

Confira mais detalhes no link abaixo:

https://beta.binance.com/en/buy-sell-crypto

 

 

 

Publicado em Altcoins

Mastercard faz parceria com a Stellar para promover tecnologia blockchain

 

De acordo com um  comunicado de imprensa, a Mastercard está formando uma parceria com a empresa fintech Stellar Token.io para desenvolver um “open banking hub”.

 

A Mastercard, que processa impressionantes US $ 3,4 bilhões em transações todos os dias, está agora trabalhando com a Token.io para desenvolver uma camada de conectividade para a Mastercard, que ajudará a conectar comerciantes e varejistas aos serviços financeiros.

 

O comunicado de imprensa afirma que os serviços da Mastercard incluirão “um diretório pan-europeu” para serviços financeiros que vão ajudar a conectar instituições financeiras com fornecedores terceirizados. A Mastercard também incluirá um mecanismo de resolução de disputas e um hub de conectividade.

 

Steve Kirsch, fundador e CEO da Token.io acrescentou:

“A fragmentação e a falta de consistência no acesso de terceiros estão criando complexidade no open banking, por isso, damos boas-vindas à oportunidade de trabalhar com a Mastercard e expandir a plataforma Open API da Token, para tratar desses problemas e juntos acelerar a adoção global de serviços bancários abertos ”.

 

Embora a parceria permita que a Mastercard faça uso da tecnologia blockchain, ainda não há planos para qualquer implementação de moedas digitais.

 

Essa matéria foi útil para você? Curta e Compartilhe !!

Publicado em Altcoins